TIMSS

 

Relatório Nacional 2019

 

Relatório Internacional 2019

 

O que é o TIMSS

Trends in International Mathematics and Science Study (TIMSS) é uma avaliação internacional do desempenho dos alunos do 4.º e do 8.º anos de escolaridade em matemática e em ciências, desenvolvida pela IEA.

O TIMSS 2019 foi a 7.ª edição deste estudo de avaliação que, desde 1995, é realizado de quatro em quatro anos com a finalidade de gerar informação sobre o desempenho dos alunos e sobre os contextos em que estes aprendem. A IEA destaca a relevância que essa informação pode ter para a decisão e o acompanhamento de reformas curriculares e de práticas de ensino em matemática e em ciências.

A versão em suporte digital do estudo, o eTIMSS, foi aplicada pela primeira vez em 2019, em cerca de metade dos países participantes, Portugal é um deles.

Portugal participou na edição de 1995 do TIMSS 4.º ano e, voltou a participar em 2011 e em 2015. Em 2019, realizou  o eTIMSS para avaliar as aprendizagens em matemática e em ciências dos alunos do 4.º ano de escolaridade e também, pela primeira vez, dos alunos do 8.º ano.

O que é avaliado

O Quadro de Referência (http://timssandpirls.bc.edu/timss2019/frameworks/) estabelece os domínios específicos de conteúdo avaliados em matemática e em ciências. Em matemática são Números, Formas Geométricas e Medida, e Apresentação de Dados, no 4.º ano de escolaridade, e Números, Álgebra, Geometria e Dados e Probabilidade, no 8.º ano. Em ciências os domínios são Ciências da Vida, Ciências Físicas e Ciências da Terra, no 4.º ano, e Biologia, Química, Física e Ciências da Terra, no 8.º ano.

Além do conteúdo, o quadro de referência define os processos cognitivos envolvidos na resolução dos itens – Aplicar, Conhecer e Raciocinar.

O teste eTIMSS

Cada aluno responde a um teste que combina itens de matemática e de ciências, durante 90 minutos.

Os itens do TIMSS não são públicos, permitindo, assim, a comparação de resultados ao longo das várias edições do estudo e a identificação de tendências nos resultados. Em cada ciclo, são dados a conhecer ao público alguns itens que deixam de fazer parte das provas e que ilustram as questões apresentadas aos alunos.

A par do teste, são aplicados questionários que recolhem informação de contexto que permite descrever situações e fatores que podem influenciar a aprendizagem em matemática e em ciências.

  • No TIMSS participam países e economias de todo o mundo, em 2019 serão mais de 60 quer no eTIMSS 4.º ano quer no eTIMSS 8.º ano. Ao estudar a eficácia do currículo e do ensino com base no desempenho dos alunos, importa que os participantes dos diferentes países tenham os mesmos níveis de escolarização, i.e., que tenham aprendido matemática e ciências durante um número equivalente de anos de educação formal.

     

    Em Portugal, cerca de 150 escolas e, aproximadamente, 4000 alunos do 4.º ano de escolaridade participaram no TIMSS 2011.
    Em 2015, participaram 221 escolas, tendo sido amostradas 332 turmas de 4.ª ano, num total de 4908 alunos.

     

    Em cada ciclo do TIMSS, são selecionados alunos dos anos de escolaridade em avaliação, através de um processo de amostragem em duas fases: na primeira fase, é constituída uma amostra aleatória estratificada de escolas, cuja seleção é proporcional ao número de escolas por estrato e à dimensão das escolas; na segunda fase, são selecionadas aleatoriamente turmas de alunos dessas escolas. A amostra assim constituída é representativa da população-alvo de cada país. O eTIMSS 2019, que irá decorrer entre fevereiro e abril, irá contar com a participação de 158 agrupamentos de escolas e de escolas não agrupadas do 8.º ano de escolaridade e de 194 agrupamentos de escolas e de escolas não agrupadas do 4.º ano de escolaridade. Está prevista a participação de cerca de 15 mil alunos, considerando os dois níveis de escolaridade.

  • Na sequência da participação de Portugal no TIMSS 2015, disponibiliza-se um conjunto de documentos que refletem os resultados nacionais e internacionais.

     TIMSS 2015

     

    A FOLHA n.º1 – Contextos Familiares que Facilitam as Aprendizagens inaugura a publicação do IAVE, I.P. dedicada à avaliação externa das aprendizagens dos alunos.

    Que características do contexto familiar têm maior influência nos desempenhos dos alunos do 4.º ano de escolaridade em matemática e em ciências é o tema abordado neste primeiro documento.

    Mais informação sobre o TIMSS em https://timssandpirls.bc.edu/timss2019/

  • O TIMSS disponibiliza vários materiais de interesse educativo, dos quais se destacam os itens de cada domínio – matemática e ciências –, que foram tornados públicos ao longo dos anos, após terem deixado de fazer parte dos testes TIMSS. Além destes, a IEA disponibiliza os questionários de contexto aplicados às escolas, aos professores e aos alunos.

    Os itens e os questionários são apresentados na versão portuguesa, e tal como foram aplicados em cada ciclo. Sempre que possível, são apresentados o objeto de avaliação e os critérios de codificação que devem ser utilizados para garantir que os itens avaliam exatamente aquilo para que foram concebidos. Todos os materiais disponibilizados nesta página são propriedade intelectual da IEA e não podem ser utilizados para fins comerciais. Sempre que forem utilizados devem ser referenciados como propriedade da IEA.

    Itens libertos e Critérios de Codificação

    2015 | 8.º Ano

    2011 | 4.º Ano

     

    Questionários de contexto

    Em 2011, os questionários de contexto foram comuns aos estudos do TIMSS e do PIRLS. Assim, as versões aqui disponibilizadas coincidem com as que se encontram em materiais do PIRLS 2011.

Subscrever Newsletter

Desejo receber as últimas novidades sobre o IAVE.